Rio 2016

18-08-2016 19:18

Corrida deixou João Pereira a nove segundos do bronze

O segundo melhor segmento de corrida permitiu ao português João Pereira recuperar 12 posições e alcançar a quinta posição da prova de triatlo dos Jogos Olímpicos Rio2016, a melhor prestação de sempre de um português.
Rio2016: João Pereira quinto em novo triunfo de Alistair Brownlee no triatlo
Foto: Lusa

O português João Pereira terminou hoje na quinta posição a prova de triatlo dos Jogos Olímpicos Rio2016, que consagrou o britânico Alistair Brownlee como bicampeão, enquanto João Silva e Miguel Arraiolos foram 35.º e 44.º, respetivamente, Rio de Janeiro, Brasil, 18 de agosto de 2016. INÁCIO ROSA/LUSA

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O segmento de natação acabou por ser o ‘calcanhar de Aquiles’ do estreante João Pereira, que foi apenas o 32.º a cumprir os 1,5 quilómetros nas águas de Copacabana, a cerca de 40 segundos do grupo da frente, tendo, por essa altura, a companhia de João Silva.

Com um grupo muito forte na frente no ciclismo, no qual estavam os irmãos britânicos Alistair e Jonathan Brownlee, primeiro e segundo no final, respetivamente, o sul-africano Henri Shoeman, bronze, ou o francês Vincent Luís.

O grupo de 10 elementos que seguia na frente ia trabalhando muito bem em conjunto, ao contrário do que acontecia nos grupos de trás, com João Pereira e João Silva a partirem no terceiro grupo, mas a conseguirem alcançar o pelotão, que ficou com cerca de 30 elementos.

Durante os 38,48 quilómetros do percurso de ciclismo, o grupo da frente manteve sempre uma vantagem superior a um minuto, que parecia dar boas possibilidades aos portugueses de chegarem a um resultado no ‘top-10’.

João Silva, atrasado por uma queda no grupo perseguidor, foi-se atrasando, enquanto João Pereira partiu para os 10 quilómetros de corrida na 17.ª posição.

Na frente, os dois Brownlee e Vincent Luis isolaram-se logo no segmento de corrida, com João Pereira a ir subindo pouco a pouco na classificação naquele que é o seu ponto forte no triatlo.

Alistair Brownlee, que revalidou o título olímpico, deixou para trás seu irmão e o francês, que ‘quebrou’ na parte final.

Lado a lado, João Pereira e o sul-africano Richard Murray, o único mais rápido do que o atleta do Benfica na corrida, foram galgando posições e recuperaram mais de 30 segundos a todos os outros triatletas.

Contudo, o esforço de ambos acabou por ser insuficiente para recuperar e roubar o pódio a Henri Schoeman, que gastou menos sete segundos do compatriota e a nove de João Pereira, mas ficou a 42 de Alistair Brownlee e a 36 de Jonathan Brownlee.

João Silva, que tinha sido nono em Londres2012, terminou a prova na 35.ª posição, a 6.32 minutos do novo campeão olímpico, e o estreante Miguel Arraiolos foi 44.º. a 8.34.

Conteúdo publicado por Sportinforma