Rio 2016

18-08-2016 20:10

Policia diz que caso dos nadadores dos EUA foi briga e não assalto

A polícia brasileira informou hoje que o caso dos nadadores dos Estados Unidos, que disseram que foram assaltados no último domingo no Rio de Janeiro, foi uma briga e não um assalto.
Ryan Lochte vence medalha de ouro
Foto: EPA/PATRICK B. KRAEMER

epa04874626 Ryan Lochte of the United States of America (USA) poses with his Gold medal after finishing first in the men's 200m Individual Medley (IM) Final during the FINA Swimming World Championships at Kazan arena in Kazan, Russia, 06 August 2015.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A constatação tem como base imagens de vídeo de um posto de combustível onde os nadadores aparecem a discutir com os funcionários no local.

A investigação começou depois que os nadadores norte-americanos Gunnar Bentz, Jack Conger, Ryan Lochte e James Feigen terem dito na terça-feira que foram assaltados depois de terem deixado uma festa na Casa da França, na Lagoa, zona sul do Rio de Janeiro.

No caminho para o alojamento, de táxi, os atletas pararam num posto de gasolina para ir à casa de banho.

No local, um deles teria danificado uma porta e iniciado uma discussão com os funcionários e seguranças. Os funcionários disseram que os nadadores estavam alcoolizados e começaram a urinar no jardim perto da loja de conveniência do posto.

A versão dos desportistas também foi colocada em dúvida depois de outro vídeo mostrar a chegada do grupo às instalações da Vila Olímpica horas depois do alegado assalto.

Uma juíza brasileira pediu na quarta-feira que fossem retirados os respetivos passaportes dos nadadores e proibiu-os de sair do Brasil, mas Lochte e Feigen já tinham regressado aos Estados Unidos.

Hoje, os nadadores Conger e Bentz foram retirados de um voo para os Estados Unidos pelas autoridades brasileiras e levados para depor na polícia.

Lochte ganhou uma medalha de ouro na prova 4x200 metros livres e ficou em quinto lugar nos 200 metros estilos no Rio2016.

Bentz e Conger participaram nas eliminatórias de estilo livre nos 4x200 metros e Feigen nos 4x100 metros.

Conteúdo publicado por Sportinforma