Rio'2016

20-08-2016 09:39

Mo Farah a 5.000 metros de nova 'dobradinha'

Os Jogos Olímpicos entram na sua recta final.
Mo Farah
Foto: BEN STANSALL / AFP

Mo Farah em ação

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O penúltimo dia dos Jogos Olímpicos Rio2016 será hoje o mais preenchido de finais, 30, entre as quais sete no atletismo e a do futebol masculino, que pode premiar o Brasil pela primeira vez.

No Estádio Olímpico do Rio de Janeiro, o britânico Mo Farah será o homem a seguir nos 5.000 metros. Depois de ter conquistado o ouro nos 10.000, pode repetir a 'dobradinha' conseguida em Londres2012, adivinhando-se oposição dos etíopes Muktar Edris e Dejen Gebremesekel e do ugandês Joshua Cheptegei, numa final sem quenianos.

Na final dos 800 metros femininos, espera-se que a sul-africana Caster Semenya, vice-campeã há quatro anos, confirme agora o seu amplo favoritismo, enquanto as finais de 4x400 metros deverão proporcionar novos duelos entre as estafetas de Estados Unidos e Jamaica.

No programa do dia, constam ainda finais de 1.500 metros masculinos e dos concursos de salto em altura feminino e lançamento do dardo masculino.

No futebol, o Brasil tem a oportunidade de conquistar o seu primeiro título olímpico no futebol, precisando de vencer a Alemanha, que nunca ganhou depois da unificação.

Neymar e os seus companheiros representam o único país pentacampeão do Mundo, mas que em Jogos Olímpicos se ficou pela prata em 1984, 1988 e 2012, além do bronze em 1996 e 2008.

Os germânicos têm quatro títulos Mundiais, o último precisamente no Brasil, em 2014, mas nos Jogos só a antiga República Democrática da Alemanha (RDA) foi campeã em 1976, além de ter conquistado a prata em 1980 e o bronze em 1964. A Alemanha ocidental (RFA) foi terceira em 1988.

Na canoagem, realiza-se a mais vistosa das finais, a de K4 1.000, em que competem os portugueses Fernando Pimenta, Emanuel Silva, João Ribeiro e David Fernandes, campeões da Europa em 2011 e ‘vice’ mundiais em 2014.

Hoje é dia também para as finais coletivas femininas, com Estados Unidos claramente favorita no basquetebol frente à Espanha, que não tem qualquer medalha olímpica.

No andebol, França e Rússia vão tentar alcançar o primeiro título, enquanto a China persegue o ouro pela terceira vez no voleibol, tendo como adversária a Sérvia, que está pela primeira vez no pódio.

- Sábado, 20 ago (30 medalhas de ouro):

07:00/11:00 Golfe Quarta volta (F)

08:30/12:30 Badminton Singulares (M)

09:00/13:00 Canoagem C2 1.000 metros (M)

K1 200 metros (M)

K4 500 metros (F)

K4 1.000 metros (M)

11:00/15:00 Triatlo Final (F)

12:00/16:00 Pentatlo Moderno Combinado (M)

12:30/16:30 Ciclismo/BTT Cross-Country (F)

14:00/18:00 Pugilismo 51 kg (F)

56 kg (M)

75 kg (M)

15:20/19:20 Ginástica/rítmica Competição individual (F)

15:30/19:30 Basquetebol Final (F)

15:30/19:30 Andebol Final (F)

16:00/20:00 Luta livre 86 kg (M)

125 kg (M)

16:30/20:30 Natação/saltos água Plataforma a 10 metros (M)

16:30/20:30 Polo aquático Final (M)

17:30/21:30 Futebol Final (M)

20:00/00:00 Taekwondo +80 kg (M)

+67 kg (F)

20:30/00:30 Atletismo Altura (F)

20:55/00:55 Atletismo Dardo (M)
21:00/01:00 Atletismo 1.500 metros (M)

21:15/01:15 Atletismo 800 metros (F)

21:30/01:30 Atletismo 5.000 metros (M)

22:00/02:00 Atletismo 4x400 metros (F)

22:15/02:15 Voleibol Final (F)

22:35/02:35 Atletismo 4x400 metros (M)

Conteúdo publicado por Sportinforma