Râguebi

20-07-2010 17:34

Selecção nacional de ‘sevens’ homenageada

A selecção portuguesa de râguebi de ‘sevens’ foi homenageada esta terça-feira, nas instalações da Unicer, pelo seu título de campeão europeu da categoria, conquistado no dia 11 de Julho, em Moscovo.
Selecção nacional de ‘sevens’ homenageada

Por João Agre sapodesporto@sapo.pt

A Super Bock, patrocinadora oficial da selecção nacional de râguebi, homenageou os jogadores, equipa técnica e presidente da federação portuguesa da modalidade, nas instalações da Unicer, em Leça do Balio, Matosinhos, pelo seu desempenho no Campeonato Europeu de Râguebi, onde se sagraram campeões.

Tomaz Morais, o seleccionador, mostrou-se satisfeito e orgulhoso com o encontro, assim como o presidente da federação Carlos Amado da Silva.

"É um título muito importante porque sabemos os sevens serão modalidade olímpica e todos os países estão a fazer um grande investimento para jogarem os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, nos quais apenas participam 12 equipas. É um título que cimenta a nossa presença no circuito mundial de sevens. Foi uma enorme satisfação para o desporto português", disse o seleccionador Tomaz Morais.

Tomaz Morais, a propósito do recente título de Portugal na Liga Europeia de voleibol, realçou a importância das modalidades em Portugal: "Se calhar, se dividirmos mais o interesse entre as modalidades, vamos ser muito mais felizes em termos desportivos".

Este encontro também serviu para comemorar o arranque do Campeonato Mundial Universitário de ‘sevens’, que decorre no Porto, no Estádio do Bessa, de 21 a 24 de Julho.

"Em ‘sevens’ temos um desafio imediato, que é jogar no Porto o mundial universitário. Queríamos proporcionar uma grande alegria, mas já percebemos que não vai ser fácil. Queremos estar concentrados e quem sabe ganhar", frisou.

Portugal sagrou-se campeão europeu de râguebi, em Moscovo, na variante de "sevens" ao vencer a França por 12-5. A equipa comandada por Tomaz Morais bateu na final a congénere francesa, por 12-5, depois de ter eliminado a Espanha na meia-final por 17-12.

Portugal sucedeu à Rússia, no passado 11 de Julho, como novo campeão europeu, somando o seu sétimo título europeu.