Judo/Uíge

05-09-2016 17:19

Atletas necessitam de apoios para dinamização da modalidade

Judocas da província do Uíge querem apoios materiais, financeiros e recintos apropriados para a prática da modalidade.
Judo: Jorge Fonseca
Foto: Lusa

Atletas necessitam de apoios para dinamização da modalidade

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Os judocas na província do Uíge necessitam de apoios materiais, financeiros e recintos apropriados para a prática da modalidade, com vista a dinamizar o judo a nível da região.

O desejo foi manifestado hoje, segunda-feira, nesta cidade, pelo responsável da academia Sabatani e coordenador do campeonato provincial de Judo unificado, realizado de 03 a 04 do corrente mês, Coronelo Luimbi Fani (do 3º Dam), que fazia o balanço da competição que envolveu 83 judocas de quatro academias.

O dirigente, depois de louvar a forma ordeira como decorreu a prova, lamentou o facto de não terem acesso a quadras apropriadas para a prática da modalidade, acrescentando que a nível da cidade do Uíge, por exemplo, existem alguns recintos em condições, mas que não têm acesso a eles, como são os caso do Cine Ginásio, o anfiteatro da Escola do I ciclo 11 de Novembro (Preparatória), a Escola do II ciclo Teta Lando e o Instituto médio de Administração e Gestão do Kituma.

O responsável disse ter havio ainda falta de “quadras tatames originais” para os treinos, bem como a falta de apoio moral, material e financeiro, o que tem condicionado a prática da modalidade e consequentemente a sua expansão nos restantes municípios da província do Uíge.

Coronelo Luimbi Fani, depois de reconhecer o potencial dos atletas do Uíge, deu a conhecer que em muitas ocasiões os judocas desta parcela do território nacional falham nas competições nacionais por falta de meios de transportes que possa levar até ao local da prova.

A academia Sabatani foi fundada em 2004 na capital do país, Luanda, outrora denominada “Escola de Scorpion”. Foi instalada na província do Uíge em 2008, mudou a designação para Sabatani, actualmente controla mas de 40 judocas, entre masculinos e femininos.

Conteúdo publicado por Sportinforma