Canoagem

24-05-2017 18:22

Seleção de canoagem com cinco elementos da II Taça do Mundo, na Hungria

Atletas lusos estão limitados a cinco elementos apenas.
Rio 2016: Final da prova de canoagem K4 1000m
Foto: Lusa

Atletas luso vão competir na Hungria

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

Portugal vai apresentar uma seleção de canoagem limitada a cinco elementos da II Taça do Mundo, que decorre de sexta-feira a domingo, em Szeged, na Hungria.

“Depois de competirmos em casa, com um recorde de 40 canoístas, as equipas técnicas optaram por disputar diferentes Taças do Mundo, sendo que agora só vão os caiaques masculinos”, explicou à Agência Lusa o presidente da federação, Vítor Félix.

Os vice-campeões olímpicos em Londres2012, Fernando Pimenta e Emanuel Silva, em K2 1000, João Ribeiro, David Fernandes e David Varela constituem o quinteto em competição.

“Na senda do que tem sido hábito, esperamos bons resultados, embora esta prova vá ser mais difícil e competitiva do que foi em Montemor-o-Velho. Mas, temos uma equipa experiente e consolidada e acreditamos num bom desempenho”, disse o dirigente.

Os caiaques femininos e as canoas vão falhar esta prova, guardando-se para o fim de semana seguinte em Belgrado, Sérvia, na terceira Taça do Mundo.

Na primeira prova internacional do ciclo Tóquio2020, Portugal conquistou 11 medalhas em Montemor-o-Velho, na Taça do Mundo que decorreu no passado fim de semana.

Em Szeged, Fernando Pimenta vai fazer K1 1000 e 500, distâncias nas quais foi ouro e prata, respetivamente, em Montemor-o-Velho: vai prescindir dos 5.000, distância na qual foi prata.

Emanuel Silva e João Ribeiro, que foram quartos no Rio2016, repetem o K2 1.000, enquanto David Fernandes e David Varela vão fazer K2 500.

Este quarteto junta-se no K4 1000 que apresenta como novidade David Varela, substituto de Fernando Pimenta, que agora compete apenas em K1.

Conteúdo publicado por Sportinforma