Jogos Europeus

13-07-2017 12:16

Coimbra vai acolher no próximo ano o maior evento multidesportivo realizado em Portugal

Jogos Europeus Universitários irão acolher 5.000 atletas de 350 universidades, provenientes de 40 países.
Jogo de voleibol
Foto: Hugo Delgado

Voleibol será uma das modalidades deste evento

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Coimbra acolhe, de hoje a um ano, os Jogos Europeus Universitários, que será o maior evento multidesportivo universitário realizado em Portugal, com cerca de 5.000 atletas de 350 universidades de 40 países a competir em 13 modalidades.

Os jogos vão decorrer de 13 a 28 de julho de 2018, no complexo desportivo do Estado Universitário de Coimbra, numa organização da Universidade, Associação Académica, Câmara Municipal de Coimbra e Federação Académica de Desporto Universitário.

A esta distância, o secretário-geral do comité organizador Mário Santos disse à agência Lusa que os "'timings' estão a ser cumpridos, embora existam constrangimentos com algumas obras" que não estavam previstas e que ainda não se iniciaram.

"A Universidade de Coimbra vai avançar com um investimento extra de dois milhões de euros para reabilitar mais um pavilhão e um campo pelado, que irá passar a sintético, e melhorar arruamentos e iluminação", explicou.

Apesar do montante elevado e dos trabalhos ainda não se terem iniciado, Mário Santos disse que as intervenções não serão demoradas e estarão concluídas a tempo do evento.

Além deste investimento extra, a organização dos Jogos Europeus Universitários implicou um investimento de quatro milhões de euros na renovação das infraestruturas desportivas, em particular nos equipamentos desportivos do Complexo Desportivo Universitário, com intervenções nos pavilhões 1, 2 e 3 e no Estádio Universitário.

Segundo o secretário-geral do comité organizador, a este valor acresce um orçamento operacional de cerca de cinco milhões de euros para despesas com o transporte, refeições e alojamento, entre outras.

"É uma grande logística para uma cidade como Coimbra", sublinhou o responsável, que destaca o empenho das quatro entidades organizadoras.

De acordo com Mário Santos, está a ser seguido um "modelo de organização sustentável, que aproveita todas as sinergias, os equipamentos existentes e o envolvimento das organizações de estudantes".

"O nosso objetivo não é só fazer desta a melhor edição de sempre dos Jogos, é também deixar um legado para cidade que contribua para o aumento do número de atletas estudantes na Universidade de Coimbra", sublinhou.

Os Jogos Europeus Universitários de Coimbra 2018 terão 13 modalidades (masculino e feminino) em competição, "algo que nunca aconteceu noutra competição multidesportiva em Portugal": andebol, badminton, basquetebol, basquetebol 3X3, canoagem sprint, futebol, futsal, judo, remo, râguebi sevens, ténis, ténis de mesa e voleibol.

Ainda este mês, de 25 a 28 de julho, Coimbra acolhe três dos 19 Campeonatos Europeus Universitários (judo, karaté e taekwondo), que é uma "forma de testar a organização e as infraestruturas" para o grande evento do próximo ano.

Em competição vão estar cerca de 600 atletas de 27 países, em representação de 230 universidades.

Conteúdo publicado por Sportinforma