Ténis

17-08-2016 10:12

Murray diz que convite a Del Potro para o US Open é 'totalmente merecido'

Del Potro foi uma das grandes surpresas do torneio olímpico.
Del Potro foi uma das grandes surpresas do torneio olímpico onde disputou a final com Murray
Foto: EPA/MICHAEL REYNOLDS

Del Potro foi uma das grandes surpresas do torneio olímpico onde disputou a final com Murray

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O tenista britânico Andy Murray, que acaba de se sagrar bicampeão olímpico, nos Jogos Rio2016, considerou “totalmente merecido” o convite atribuído ao argentino Juan Martin el Potro para o Open dos Estados Unidos.

Del Potro foi uma das grandes surpresas do torneio olímpico, tendo chegado à final depois de deixar pelo caminho nomes como o sérvio Novak Djokovic, líder do ‘ranking’ mundial, ou o espanhol Rafael Nadal, quinto da hierarquia, bem como João Sousa, o número um português, ‘travando’ apenas na final com Murray.

“Os convites oferecem-se a quem merece. E Juan Martin del Potro mostrou que mereceu esse ‘wild card’”, comentou Murray, já em Cincinnati, nos Estados Unidos, num torneio que tem sido constantemente ameaçado pela chuva.

Várias lesões nos pulsos têm abalado a carreira de Del Potro, que chegou a ser número quatro do mundo. Atualmente, o argentino está classificado no lugar 141 da hierarquia, o que não lhe permitia a entrada direta no quadro principal do quarto e último ‘Grand Slam’ da temporada.

Campeão do Open dos Estados Unidos em 2009, Del Potro tem sido assolado por persistentes problemas nos pulsos, que têm condicionado a carreira do argentino, de 27 anos.

“Ele atrai multidões e é uma mais valia para o torneio. Se não fossem as lesões, estaria muito mais acima no ‘ranking’. Mereceu definitivamente o convite”, reforçou Murray.

O Open dos Estados Unidos disputa-se entre 29 de agosto e 11 de setembro.

Conteúdo publicado por Sportinforma