Ténis

01-04-2017 09:15

Roger Federer apura-se para a final de Miami e reencontra Rafael Nadal

O atual sexto classificado no ‘ranking’ mundial assegurou a vaga ainda em aberto para a final.
O atual sexto classificado no ‘ranking’ mundial assegurou a vaga ainda em aberto para a final.

O atual sexto classificado no ‘ranking’ mundial assegurou a vaga ainda em aberto para a final.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O tenista suíço Roger Federer qualificou-se na sexta-feira para a final do Masters 1.000 de Miami, marcando encontro com o grande rival espanhol Rafael Nadal.

O atual sexto classificado no ‘ranking’ mundial assegurou a vaga ainda em aberto para a final depois de vencer o australiano Nick Kyrgios, uma das ‘cabeças de cartaz’ do próximo Estoril Open, em três ‘sets’, pelos parciais de 7-6 (7-9), 6-7 (9-7) e 7-6 (7-5), após uma longa ‘maratona’ de três horas e dez minutos.

No segundo frente a frente entre Federer e Kyrgios, 16.º da hierarquia, o suíço empatou as ‘contas’ com o australiano.

Depois de ter conquistado o primeiro Masters 1.000 da temporada, em Indian Wells, Federer apurou-se pela segunda vez consecutiva para a final de um torneio daquela categoria.

Este será o 37.º confronto direto entre os dois antigos líderes do ‘ranking’, com as contas a serem claramente favoráveis a Nadal, que ganhou 23 embates com o helvético.

No entanto, Federer venceu os três últimos confrontos, um deles a final do Open da Austrália, primeiro ‘Grand Slam’ do ano.

Conteúdo publicado por Sportinforma