Moto 2

25-03-2017 21:31

Miguel Oliveira aprova cancelamento da qualificação do GP do Qatar

A chuva que se abateu sobre o circuito de Losail, no Qatar, inviabilizou a realização das provas de qualificação, com as grelhas a serem feitas pelos treinos livres.
Miguel Oliveira
Foto: DR

Miguel Oliveira

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O piloto português de Moto2 Miguel Oliveira (KTM) afirmou hoje que a decisão de anular a qualificação para o GP do Qatar, a primeira prova do Mundial de motociclismo de velocidade, foi a mais correta.

Oliveira considerou, em declarações à sua assessoria de imprensa, que a direção de corrida e a comissão de segurança do circuito “decidiram bem” ao cancelar a qualificação, uma vez que a pista “não estava em condições”.

“Era impossível conseguir andar na pista com o asfalto ora molhado, ora seco, ou completamente alagado”, acrescentou.

A chuva que se abateu sobre o circuito de Losail, no Qatar, inviabilizou a realização das provas de qualificação, com as grelhas a serem feitas pelos treinos livres.

Desta forma, o português Miguel Oliveira (KTM) parte da segunda linha, na quinta posição, na categoria de Moto 2, que terá na ‘pole’ o italiano Franco Morbidelli (Kalex).

Quanto à corrida de estreia da temporada 2017, o piloto luso considerou que parte “de uma excelente posição”, mas disse ainda estar na expetativa quanto ao estado da pista, depois da chuva.

“Sei que tenho uma boa moto para a corrida. Veremos como estará a pista em termos de aderência, depois de toda a chuva que caiu e qual será o ritmo na primeira fase. Vai ser uma corrida dura com toda a certeza”, completou Miguel Oliveira.

Conteúdo publicado por Sportinforma