Estágio Selecção Nacional

20-04-2010 19:41

Covilhã, uma cidade cinco estrelas

É com cinco estrelas (Hospitalidade, Inovação, Proximidade, Tradição e Lazer) que a Câmara Municipal classifica esta cidade beirã que irá acolher a Selecção Nacional no estágio de preparação para o Mundial2010, entre o dia 13 de Maio e 1 de Junho deste ano.
Covilhã, uma cidade cinco estrelas

Por João Agre e Miguel Henriques sapodesporto@sapo.pt

Cidade 5 estrelas

Através do slogan "Cidade 5 estrelas", a autarquia da Covilhã apresenta-se como uma cidade moderna e dinâmica, ideal para quem lá vive, para quem quer estudar, investir ou simplesmente para quem procura novas experiências e sensações.

As cinco estrelas propõem um conjunto ascendente de cinco estrelas que representa a cidade e transmite valores de hospitalidade, inovação, tradição, proximidade e lazer.

A cidade-quartel da Selecção Nacional

A cidade de Covilhã oferece a quem a visita uma bela paisagem, abraçada pelas majestosas montanhas numa área de mais 550 km2. Situada no distrito de Castelo Branco, conta com cerca de 35 mil habitantes e é famosa pela sua gastronomia, onde se destacam os queijos e enchidos e ainda pela industria de lã.

Covilhã é também a porta da Serra da Estrela, local de referência para quem procura neve e boas vistas, isto no ponto mais alto de Portugal continental.

Conhecida pelo bem receber e pelos hotéis característicos, esta cidade da beira interior irá acolher o estágio da selecção nacional do dia 13 de Maio até 1 de Junho, e, na voz do presidente da câmara municipal da cidade, está prometido muita diversão, festa e simpatia aos adeptos durante os dias em que Cristiano Ronaldo e companhia estiveram na Covilhã.

Segundo a federação portuguesa de futebol, Covilhã “parece ter sido desenhado de propósito para o estágio da selecção”. Sossego, ar puro, boas unidades hoteleiras e, principalmente altitude. Esta última foi de grande importância na escolha da cidade porque trata-se de um cenário idêntico ao que Portugal irá encontrar na África do Sul.

Ainda segundo o presidente da câmara, Covilhã está mais do que pronta para receber Carlos Queiroz e os seus discípulos.