Mundial 2010

02-06-2010 11:59

FIFA aumenta controlos antidoping surpresa antes da competição

Mínimo de oito jogadores por equipa vão ser controlados antes do Mundial 2010.
FIFA aumenta controlos antidoping surpresa antes da competição

Por SAPO Desporto c/LUSA sapodesporto@sapo.pt

A FIFA aumentou, nas últimas semanas, os controlos antidoping surpresa aos futebolistas que vão participar no Mundial2010, com o objectivo de que um mínimo de oito jogadores por equipa sejam controlados.

“Em relação ao anterior Mundial, duplicamos o número de controlos inopinados”, afirmou Jiri Dvorak, chefe do departamento médico da FIFA, acrescentando: “Há sempre discussões sobre se estamos a fazer o suficiente”.

Para o Mundial 2010 foram retomados os testes sanguíneos, tendo as selecções sido obrigadas a fornecer desde Março dados sobre a localização dos jogadores.

Durante a competição, pelo menos dois jogadores de cada equipa serão controlados durante cada jogo, sendo as amostras analisadas no laboratório de Bloemfontein, acreditado pela Agência Mundial Antidoping (WADA).

“Desde 1994, com Maradona, nunca mais tivemos um caso positivo, dentro e fora de competição”, lembrou Jiri Dvorak.

No Mundial1994, nos Estados Unidos, o actual seleccionador da Argentina acusou positivo por consumo de efedrina, após o primeiro jogo, no qual a Argentina goleou a Grécia por 4-0.

“Acho muito estúpido que tomem drogas”, afirmou Dvorak, acrescentando: “O Mundo está todo com os olhos postos neste evento. Ninguém deve querer envergonhar o seu país, ou ter vergonha de si mesmo”.