Liga Europa

20-04-2012 09:38

Este Sporting

Este Sporting

Por Paulo M. Guerrinha sapodesporto@sapo.pt

Está ao rubro o Sporting de Sá Pinto. Além de sair de Alvalade com uma vitória sobre o Bilbao (apesar de ser uma vantagem escassa para o encontro da segunda mão), nunca uma equipa portuguesa venceu tantos jogos em casa numa época nas competições europeias.

O Sporting deu-se ao luxo de falhar golos, que poderiam ter dado, praticamente, um lugar na final da Liga Europa. O inferno que espera a equipa portuguesa no terreno do Bilbao é quente e o entusiasmo tem de ser refreado. Mas a vantagem é preciosa.

Independentemente do resultado que o Sporting venha a ter nesta segunda mão, uma coisa é certa: Sá Pinto conseguiu, nesta reta final da época, devolver a esperança aos adeptos e jogadores.

Sendo a única presença portuguesa em prova, contra três equipas espanholas, o Sporting poderá reforçar a qualidade do futebol luso a nível europeu.

Para a segunda mão, apesar de ser uma deslocação difícil e a que vai ter maior significado nesta esta era Sá Pinto, ficou mesmo a faltar um resultado mais gordo. Porque aquilo que se viu ontem em Alvalade merecia mais.

O Sporting, a vencer, terminou os 90 minutos a pressionar o adversário e a falhar por escassos centímetros a baliza de Iraizoz.

O que se viu, contra todas as previsões (essencialmente pela excelente campanha dos espanhóis), foi um Sporting superior.

Nesta reta final, os jogadores, os mesmos que já lá estavam, surgem em campo com novo fôlego, mais pulmão e muito mais coração.

Opinião

Editorial

Obrigado Ronaldo

A paixão que desperta, mesmo em quem desgosta do futebol, tornam Cristiano Ronaldo no único candidato possível ao título de Bola de Ouro.