Os jogos Académica do Lobito-Progresso do Sambizanga e Recreativo da Caála-FC Bravos do Maquis, marcados para esta quarta-feira, constituem os destaques da primeira mão dos oitavos de final da Taça de Angola.

Ambos os desafios envolvem equipas que disputam o Girabola.

No estádio do Buraco, os “académicos” recebem os “sambilas” às 15 horas, ao mesmo tempo que os caalenses defrontam em casa os maquisardes.

Outra partida com algum interesse vai opor o Wiliete de Benguela ao Kabuscorp do Palanca.

Os benguelenses estão em alta no Girabola, onde nas duas últimas jornadas impuseram um empate a zero ao Petro de Luanda, na capital do país, e derrotaram o Recreativo do Libolo, por 3-1. Já os palanquinos, suspensos do Girabola por orientação da FIFA, têm apenas a segunda maior competição do calendário da Federação Angolana de Futebol (FAF) para mostrarem o quanto valem.

Já o detentor do troféu, o 1.º de Agosto, visita o modesto Juventude de Saurimo, enquanto o Interclube desloca-se ao terreno do Brilhantes do Simulambuco de Cabinda.

O Petro de Luanda joga apenas no dia 5 de fevereiro no campo do Sagrada Esperança, enquanto o Santa Rita de Cássia espera pelo vencedor do desafio entre o Juventude do Moxico e o Sporting de Benguela.

A segunda mão acontece no dia 5 de fevereiro.

O Desportivo da Huíla já está apurado para os quartos de final, por desistência do Ferrovia do Huambo, que alegou não estar preparado para disputar esta fase depois de ter sido avisado tardiamente pela FAF, uma vez que foi repescado em função da desclassificação do 1.º de Maio de Benguela.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.