O treinador do Real Madrid, o português José Mourinho, lamentou ter terminado mais um jogo com a sua equipa reduzida a 10 jogadores, no clássico de sábado à noite com o FC Barcelona (1-1), no Santiago Bernabéu.

«Jogámos muito bem com 10 por estamos preparados para jogar com 10. Tentei que a equipa baixasse as linhas um pouco e fazer um futebol directo para o Adebayor. Com um estádio e um público fantástico a equipa conseguiu empatar e quase ganhar», acrescentou o técnico do Real Madrid, no final do encontro da 31.ª jornada da Liga espanhola de futebol.

O técnico não poupou elogios aos seus jogadores e notou que os “merengues” partem com mais uma contrariedade para o encontro de quarta-feira com os catalães, agora para a final da Taça do Rei, pois o Real Madrid foi sujeito a um esforço suplementar por ter jogado uma das metades do encontro reduzido a 10.

«Não foram cinco, nem 10 minutos, foi muito tempo», sublinhou, numa referência à expulsão de Albiol, aos 53 minutos, por carga sobre David Villa, que deu a Messi a hipótese de inaugurar o marcador na marcação da respectiva grande penalidade.

O resultado seria fixado pelo português Cristiano Ronaldo, também de grande penalidade, por carga de Dani Alves sobre o Marcelo.

O também português do Real Madrid Ricardo Carvalho também se mostrou feliz por o Real Madrid ter conseguido chegar ao empate após a expulsão de Albiol, mas lembrou que Alves não foi expulso, tal como o seu colega.

«O árbitro decidiu que era penalti e expulsou o Albiol e isso desestabilizou-nos um pouco. No final houve outro penalti e Alves também deveria ter sido expulso com outro cartão», recordou.

Carvalho destacou ainda o carácter do Real Madrid e que a equipa dispôs de várias oportunidades para marcar em lances de contra-ataque, reiterando que o jogo da final da Taça «será diferente» e um duelo «para ganhar».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.