"O nosso pensamento é dar continuidade. Não vamos olhar apenas por este jogo. A avaliação que fazemos ocorre desde o início da temporada, olhando o dia-a-dia". Quem o garante é Marquinhos Santos, diretor do futebol do Avaí, em declarações à rádio CBN Diário, falando sobre a continuidade de Augusto Inácio no clube.

A formação orientada pelo técnico português viu-se batida pelo Ferroviária e afastada da Taça do Brasil na noite de quinta-feira, com os adeptos a começarem a questionar a continuidade de Augusto Inácio ao leme do clube.

O dirigente do Avaí reconheceu, ainda assim, que esta eliminação prematura na Taça tem custos financeiros para o clube e disse perceber o descontentamento dos adeptos, mas pediu calma. "Temos de manter a concentração, cientes de que as cobranças existem sempre. É preciso ter calma, mas ainda temos muito a crescer".

No Campeonato Estadual Catarinense o Avaí ocupa atualmente o sexto lugar, com sete pontos, e volta a jogar domingo, frente ao Joinville, no seu estádio.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.