O futebolista Neymar, avançado do Paris Saint-Germain, integra a lista de 23 jogadores convocados hoje pelo selecionador do Brasil para os encontros particulares com a Colômbia, treinada pelo português Carlos Queiroz, e o Peru, em setembro.

Afastado por lesão da Copa América de 2019, que o Brasil venceu, e a treinar à margem do plantel do campeão francês, alegadamente, a apurar a condição física, Neymar entra nas contas de Tite para os jogos particulares.

“Não posso deixar de contar com um atleta do nível e qualidade de Neymar”, disse Tite, que garantiu ter falado com o avançado e que ele se encontra “tranquilo”, numa altura em que é noticiada a possibilidade de sair do PSG.

O selecionador brasileiro acrescentou que, da conversa que manteve com Neymar, teve em conta três aspetos, que se prendem com a condição física, o nível técnico e o estado emocional em relação à sua situação no clube francês.

Segundo o PSG, o número 10 ‘canarinho’, que esteve de férias no Algarve, está desde quarta-feira a treinar à margem do plantel, “como parte de seu programa de recuperação e não por razões relacionadas à sua transferência”.

Os últimos meses de Neymar têm sido marcados por várias polémicas, desde a suspensão por ter agredido um espetador na final da Taça de França, uma acusação de violação, a ausência da Copa América e possível transferência.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.