O Palmeiras goleou na noite de quarta para quinta-feira o Delfin do Equador por 5-0, garantindo lugar nos quartos de final da Taça Libertadores e teve no jovem Gabriel Veron, que bisou na partida, a sua principal figura.

Na conferência de imprensa que se seguiu, o treinador do conjunto paulista, o portugues Abel Ferreira, perdeu-se em elogios ao jovem avançado brasileiro, não tendo dúvidas de que este irá singrar ao mais alto nível.

"Vou contar-vos uma história. O Luís Campos é diretor do Lille e foi meu treinador quando eu tinha a idade do Veron, por isso falei com ele sobre vir para o Palmeiras. O primeiro jogador de que ele me falou foi o Veron. Ele conhece todos os jovens com potencial e sabe que ele tem muita qualidade. E vai ser impossível o Palmeiras vender este jogador por menos do que o Neymar foi vendido ao Barcelona", garantiu Abel.

Efeticamente, de acordo com o portal 'Globoesporte', a avaliação do técnico luso poderá estar mesmo correta. É que Veron renovou recentemente contrato com o Palmeiras até 2025, tendo uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros. O Barcelona pagou 57 milhões ao Santos por Neymar em 2013 e há ainda que levar em linha de conta que a cotação do real em relação ao euro, que é hoje inferior ao que era na altura.

Veron é produto das escolas do Palmeiras, onde fez toda a sua formação. Estreou-se pela equipa principal do clube em 2019, com dois golos em três jogos, e em 2020 soma oito remates certeiros em 28 partidas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.