O treinador português Carlos Machado, filho de pai cabo-verdiano, vai assumir o comando técnico da Académica do Mindelo na próxima temporada do campeonato regional de futebol de São Vicente.

A informação foi confirmada à Inforpress pelo próprio treinador, que tem marcada à sua chegada a Cabo Verde para a próxima quinta-feira, dia 29, e pretende iniciar os trabalhos no dia 12 de Setembro.

Carlos Machado adiantou que objetivo neste segundo desafio fora de Portugal é fazer o “melhor possível” e “trazer” a Académica do Mindelo aos lugares que merece.

“Estamos a falar de um clube com muita história e sei das dificuldades que vou encontrar porque em São Vicente o Mindelense e o Batuque são equipas muito fortes, principalmente o Mindelense”, notou.

No entanto, garantiu que a equipa vai lutar para os lugares que dão acesso ao campeonato de Cabo Verde, lembrando que para o próximo ano São Vicente tem direito a duas vagas, uma vez que Mindelense é a detentora do título nacional.

O treinador esclareceu que esta oportunidade lhe foi apresentada pelo irmão Paulo Machado que é proprietário de uma empresa de representação de jogadores e por um membro da direção da Académica do Mindelo.

“É um regresso a um país que me diz muito. Além de ter pai cabo-verdiano, a minha infância, até aos 13 anos de idade, foi em Cabo Verde, na ilha do Sal. Por isso não pensei duas vezes”, justificou.

Questionado se conhece o futebol e os futebolistas cabo-verdianos, o técnico disse que é um seguidor “atento” pela ligação que tem com o país, acrescentando que no ano passado acompanhou todos os jogos do campeonato de Cabo Verde pela Televisão de Cabo Verde.

O treinador avançou ainda que ajudou na transferência de muitos jogadores cabo-verdianos para Portugal, nomeadamente Babanco, Sténio, Mailo e Maniche, para além de uma “forte ligação” de amizade com os treinadores Lúcio Antunes e Luís Leite.

“Basta olhar para a seleção de Cabo Verde e para os jogadores que estão em Portugal para nos apercebemos que os futebolistas cabo-verdianos têm muita qualidade”, disse Carlos Machado ao fazer uma apreciação sobre as virtudes dos jogadores nacionais.

Carlos Machado comandou em 2016/17 o Areas, da terceira divisão espanhola, e tem passagens por Mirandela e Boavista (treinador adjunto), FC Foz (treinador principal), e Salgueiros (juniores, sub-15).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.