Uma selecção de emigrantes cabo-verdianos em Paris, França, venceu, domingo, o torneio de futebol DOM-TOM Cup, em que participaram combinados de ilhas ultramarinas.

A selecção cabo-verdiana conquistou esta edição 2018 da DOM-TOM Cup, sua sexta participação, ao vencer, na final, a congénere da Reunião por uma bola a zero.

Além da taça, a equipa crioula levou para casa os troféus de melhor marcador (Keven Semedo) e melhor jogador (Danilson da Cruz). É a primeira vez que Cabo Verde conquistou a DOM-TOM Cup.

Segundo informações avançadas à Inforpress pelo responsável e treinador da selecção Cabo Verde-Paris, Stephane David (Kará), o torneio é realizado com o propósito de promover culturas de ilhas ultramarinas através do futebol.

Esta oitava edição do torneio aconteceu num complexo desportivo nos arredores de Paris. Nela participaram, além de Cabo Verde, selecções de emigrantes oriundos de Comores, Guiana Francesa, Guadalupe, Haiti, Ilha de França, Madagáscar, Marie-Galante, Martinica, Maiote, Nova Caledónia e Reunião.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.