O treinador da seleção de futebol da ilha do Maio, Odílio Neves, disse esta sexta-feira em conferência de imprensa que assume todas as responsabilidades pelos maus resultados da seleção maiense no torneio inter-ilhas.

«Naturalmente sou o responsável da equipa, por isso, se alguém quer sacar as responsabilidades que as saquem a Odílio Neves e não aos jogadores que aliás lutaram, e muito bem, durante a prova e até houve alguém da comunicação social que disse que praticámos o melhor futebol do inter-ilhas mas isso acontece no futebol», comentou.

O treinador disse ainda que a associação ficou com algumas dívidas por pagar referentes à permanência na ilha do Fogo para além do que estava previsto no entanto garantiu que «não é nada que não esteja ao alcance da instituição assumir», disse o também presidente.

Odílio Neves disse ainda que sentiu «muito apoio» do povo da ilha do Fogo e, conforme avançou, a seleção maiense era o segundo favorito dos foguenses.

«Aproveito para agradecer ao presidente da câmara, ao vereador do Desporto e toda a população daquela ilha que nos tratou muito bem durante a nossa estadia naquela ilha», comentou.

«Aproveito a ocasião também para agradecer o grande gesto de amizade da empresa de construção civil sedeada na ilha "Sociedade Maiense" que pagou a totalidade da passagem de avião que nos permitiu regressar à ilha», concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.