O futebolista do Benfica Joan Capdevilla assumiu este sábado «com normalidade» o facto de estar ausente da convocatória da seleção espanhola, com vista ao Campeonato Europeu de 2012, a disputar na Polónia e Ucrânia.

«Há que dar lugar a outros. Tive um ano difícil em Lisboa e é normal que não seja convocado, razão pela qual não me queixo», disse o defesa esquerdo, titular da seleção que se sagrou campeã da Europa em 2008 e mundial em 2010.

Capdevila disse estar «orgulhoso» do seu passado na “Roja” e espera que a mesma «faça história este ano», tendo em conta o facto de nenhuma seleção ter conquistado a série de dois Europeus e um Mundial de forma consecutiva.

O jogador do Benfica apresentou hoje, na Corunha, o seu livro “A Sorte”, escrito em parceria com a jornalista Alma Marín, que recorda a sua carreira profissional, desde o início, em Tárrega (onde nasceu) até ao Benfica, passando por Espanyol, Atlético de Madrid, Deportivo da Corunha e Villarreal.

A edição do livro tem fins solidários para com uma associação de crianças incapacitadas de Tárrega, cidade próxima da Corunha, onde domingo o jogador verá o jogo entre o Depor e o Huesca, que poderá ditar a subida dos galegos à primeira divisão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.