A Noruega desaproveitou hoje a derrota sofrida por Portugal na Dinamarca, limitando-se a uma curta vitória por 3-1 na receção ao “lanterna vermelha” Chipre, que a afastou do Campeonato da Europa de futebol de 2012.

Além da ajuda dos dinamarqueses, que venceram a seleção lusa por 2-1, os noruegueses precisavam também de uma goleada sobre a equipa cipriota para ultrapassarem a desvantagem em relação a Portugal na diferença entre golos marcados e sofridos e assegurar um lugar no “play-off”.

A Noruega terminou em igualdade pontual com a seleção portuguesa, mas com clara desvantagem no critério de desempate (20-12 contra 10-7), ambas a três pontos da Dinamarca, que venceu o grupo H e conquistou o apuramento direto para a fase final.

Frente a um adversário que termina a fase de qualificação sem qualquer vitória, os anfitriões demoraram 25 minutos a inaugurar o marcador, por intermédio de Pedersen, mas rapidamente Carew aumentou para 2-0, aos 34.

Quando parecia que os noruegueses poderiam embalar para a goleada que lhe permitiria sonhar com a presença no Euro2012, Okkas reduziu para o Chipre aos 42 minutos e o melhor que a equipa da casa conseguiu durante toda a segunda parte foi marcar por intermédio de um defesa – Hogli -, aos 65.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.