O presidente da FPF, Gilberto Madaíl, defendeu o internacional português das provocações de que tem sido alvo desde que a comitiva portuguesa chegou à Bósnia-Herzegovina.

Em declarações à RTP, o dirigente comentou a reação de Cristiano Ronaldo aos lasers apontados por adeptos bósnios.

«Compreendo perfeitamente. O Ronaldo está farto dessas provocações. São provocações gratuitas. Houve um incitamento para que se colocasse o máximo de pressão sobre os jogadores mas os nossos jogadores já são grandinhos e têm bastante experiência para ignorar esse tipo de provocações», disse Gilberto Madaíl.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.