O selecionador galês de futebol, Chris Coleman, afirmou hoje que Cristiano Ronaldo e Gareth Bale, companheiros de equipa no Real Madrid, vão deixar a amizade de lado, na quarta-feira, na meia-final do Euro2016.

“São dois dos melhores jogadores do mundo. Conhecem-se muito mais, mas as duas equipas vão colocar a amizade de lado nessa noite, não apenas o Gareth e o Cristiano”, assegurou Coleman, em conferência de imprensa, no ‘quartel-general’ da seleção do País de Gales, em Dinard.

O técnico realçou no entanto que “as duas equipas sabem o que está em jogo”, ressalvando que “a amizade vai ter de esperar pelo fim do jogo”, marcado para Lyon: “Somos nós contra eles”.

Coleman assumiu-se ciente do perigo que representa Ronaldo, acreditando que a equipa das ‘quinas’ vai ter a mesma atenção relativamente a Bale.

“Poderia treinar a minha defesa durante um mês para defrontar Cristiano Ronaldo, mas ele seria sempre capaz de fazer alguma coisa incrível, imparável. É certo que ele é um perigo, mas nós também temos um na nossa equipa, o que equilibra a situação”, avaliou.

Na estreia em fases finais de grandes competições, o País de Gales chegou pela primeira vez às meias-finais, ao vencer a Bélgica nos ‘quartos’, por 3-1, mas Coleman rejeita euforias quanto a vencer o Euro2016 ou mesmo quanto à conquista da Bola de Ouro por Bale.

“Eu acho que ele não tem isso em mente. Pode passar-lhe pela cabeça, mas acho que está mais preocupado em como ganhar o jogo do que com qualquer outra coisa”, rematou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.