A comunidade portuguesa em Díli agradeceu hoje, de forma simbólica, com uma faixa instalada numa rua da cidade, o grande apoio que a população timorense deu à campanha da seleção no Campeonato Europeu de 2016.

"Obrigado Barak Timor-Leste (Muito obrigado Timor-Leste) pelo apoio à nossa seleção", lê-se na faixa que um grupo de portugueses mandou fazer e que colocou hoje numa das ruas do centro da cidade.

A faixa, 'assinada' pela "comunidade portuguesa de Timor-Leste" tem uma imagem da seleção com a taça do Euro 2016 e um logo que funde as duas bandeiras, de Timor-Leste e de Portugal.

"A alegria e o entusiasmo vivido pela população de Timor-Leste foi tão extraordinária e o acolhimento dos próprios líderes nacionais tão sentido e vivido que sentimos obrigação moral de dizer obrigada a Timor pelo apoio", disse à Lusa uma das portuguesas envolvidas na iniciativa, sublinhando que "Timor não dormiu quando a seleção portuguesa jogou".

Esta iniciativa, de um grupo de portugueses em Timor-Leste pretende agradecer o que consideram que foi o fantástico apoio demonstrado pelos timorenses às sucessivas vitórias de Portugal em França, com longas caravanas de celebração e milhares de bandeiras portuguesas.

Os festejos foram particularmente grandes depois dos encontros da meia-final e da final, com o próprio líder histórico timorense, Xanana Gusmão, a juntar-se às celebrações, sentando na janela de um carro e empunhando uma bandeira portuguesa.

Os portugueses em Díli têm ouvido nos últimos dias parabéns constantes de timorenses que os encontram nas ruas e hoje a vitória de Portugal mereceu mesmo um aplauso do plenário do Parlamento Nacional.

"Eu meu nome e do parlamento quero dar os parabéns ao Estado e ao povo português pelo facto da seleção nacional ter sido vencedora do campeonato da Europa", disse o presidente do parlamento timorense, Adérito Hugo da Costa.

"O povo de Timor-Leste celebrou esta vitória em grande festa nas ruas de Díli e do resto do país. Muitos parabéns", afirmou no arranque da sessão plenária de hoje, suscitando um grande aplauso dos deputados e do público.

Rui Araújo, primeiro-ministro, confirmou à Lusa que também escreveu ao seu homólogo português António Costa a dar as felicitações pela conquista do europeu de futebol.

A vitória portuguesa tem dominado as redes sociais em Timor-Leste com vídeos e fotos das celebrações a tornarem-se virais e a chegar a televisões em todo o mundo.

Imagens que, para muitos, demonstram uma reaproximação entre Portugal e Timor-Leste que já não ocorria há algum tempo.

Está já a decorrer uma petição a pedir que uma delegação da seleção portuguesa vencedora do Europeu de Futebol venha a Timor-Leste, um dos países do planeta onde mais se celebrou a vitória.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.