Os golos de Éder, que valeu a Portugal o título europeu de futebol, e de Cristiano Ronaldo ao País de Gales, nas meias-finais, figuram entre os cinco candidatos ao melhor golo do Euro2016.

A UEFA apresenta os dois golos portugueses, mas também do húngaro Zoltan Gera, na fase de grupos frente a Portugal (3-3), do suíço Shaqiri, nos oitavos de final com a Polónia (1-1), e do galês Robson-Kanu, nos quartos de final com a Bélgica (3-1).

O golo de Éder tem o ‘argumento’ de ter dado o título europeu a futebol, num jogo em que a equipa venceu a anfitriã França já no prolongamento, aos 109 minutos, quando o avançado do Lille bateu Hugo Lloris.

Éder, que tinha entrado aos 79 minutos para o lugar de Renato Sanches, recebeu a bola de costas, e, mesmo apertado pelo central Koscielny, virou-se e flanqueou uns metros, para ainda antes da meia-lua da grande área rematar para o golo.

No golo de Cristiano Ronaldo, o primeiro ao País de Gales (2-0), o capitão da seleção portuguesa ‘subiu às nuvens’, num gesto técnico e de impulsão muito elogiado pela imprensa, para marcar aquele que foi o seu terceiro golo no Euro2016.

Quanto aos restantes golos, o de Shaqiri acontece num pontapé de bicicleta do suíço, o do húngaro Zoltan Gera, a Portugal, num remate rasteiro de fora da área, e o de Robson-Kanu, num belo movimento já na área, com o galês, com um toque subtil, a tirar dois adversários do caminho, para rematar com êxito.

Pode votar no melhor golo do Euro2016 aqui

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.