Gianluigi Donnarumma foi o grande herói da vitória italiana na final do Euro2020 frente à Inglaterra e acabou até por ser eleito como melhor jogador do torneio. Porém, o homem que defendeu duas grandes penaliaddes no desempate por penáltis que decidiu o título, confessou que a certa altura se perdeu na contabilidade do resultado.

Foi por isso que não esboçou grande reação após parar o disparo (decisivo) de Bukayo Saka. "Já estava no chão quando o Jorginho falhou. Achei que tínhamos perdido. Depois, só quando vi os meus colegas a correr na minha direção é que entendi que tínhamos vencido", explicou à em declarações à 'Sky Sports'..

"Não estava a perceber nada. Depois da defesa [ao penálti de Saka], ia voltar para o meu sítio e reparei que o VAR tinha dito que não havia nenhuma irregularidade. Depois, só quando vi os meus colegas a correr na minha direção é que entendi que tínhamos vencido", sublinhou.

Donnarumma desvalorizou, também, as conversas que o apontam como um dos favoritos a conquistar a Bola de Ouro de 2021. "Ainda nem me apercebi de tudo o que alcançámos. Oiço falar da Bola de Ouro, mas sinceramente não penso nisso", disse.

O guardião comentou ainda a sua saída do Milan, não se querendo para já alongar sobre o tema. "Nos próximos dias falarei de tudo isso. O que posso dizer agora é que as cores do clube sempre serão parte de mim. Quero aproveitar a festa e, a partir de amanhã, estarei de férias", terminou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.