O bicampeão checo de futebol Slavia Praga interrompeu hoje o estágio em Viena, após um dos seus jogadores ter acusado positivo à covid-19, anunciou o presidente do clube, Jaroslav Tvrdik.

O contágio foi detetado após exames de rotina realizados aos jogadores na segunda-feira, segundo noticiou a Rádio Praga, que acrescenta que as autoridades sanitárias recomendaram ao clube a interrupção dos treinos na Áustria.

O treinador do Slavia Praga, Jindrich Trpisovsky, já confirmou na rede social Twitter que “um dos jogadores está infetado com covid-19” e que a equipa estava de regresso à República Checa.

Ainda de acordo com as fontes, o jogador afetado, cuja identidade não foi revelada, para preservar a sua privacidade, será colocado em quarentena em casa.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 736 mil mortos e infetou mais de 20,1 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.