Os Emirados Árabes Unidos, anfitriões da Taça Asiática, apresentaram uma queixa contra uma eventual irregularidade de dois jogadores utilizados pelo Qatar nas meias-finais da competição, anunciou hoje a Confederação Asiática de Futebol (AFC).

“A AFC recebeu uma reclamação da Federação de Futebol dos Emirados Árabes Unidos em relação à elegibilidade de dois jogadores qatari. Esta queixa será analisada de acordo com o regulamento da AFC”, referiu um porta-voz do organismo à agência noticiosa AFP.

De acordo com a imprensa, os futebolistas visados são o goleador Almoez Ali, de origem sudanesa, autor de oito golos desde o início da competição, e o defesa Al Rawi, de origem iraquiana.

Em caso de inelegibilidade, os regulamentos da AFC têm previsto a exclusão e uma multa.

Na terça-feira, o Qatar goleou os Emirados Árabes Unidos, por 4-0, e garantiu pela primeira vez a presença na final da Taça Asiática, na qual defrontará na sexta-feira o Japão, que afastou o Irão (3-0), de Carlos Queiroz.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.