O Shakhtar Donetsk ganhou hoje no terreno do Kolos Kovalivka por 4-3, num jogo de 'loucos' cujo desfecho permite à formação treinada pelo português Luís Castro manter uma liderança folgada na liga ucraniana de futebol.

O brasileiro Taison fez o primeiro de penálti, aos 12 minutos, e, aos 31, foi a vez de Júnior Moraes, brasileiro naturalizado ucraniano, fazer balançar as redes do Kolos Kovalivka. Mas a formação da casa reduziu aos 37, por intermédio de Vadym Milko, e o intervalo chegou com o marcador nos 2-1 para os homens de Donetsk.

Já no segundo tempo, aos 60, o jovem 'canarinho' Tetê ampliou o resultado para 3-1, e tudo parecia indicar que o líder do campeonato ucraniano tinha o jogo controlado. Contudo, o Kolos nunca atirou 'a toalha ao tapete' e beneficiou de dois penáltis em menos de 10 minutos, ambos concretizados com sucesso, o primeiro por Vitali Gavrysh e o segundo por Vadym Milko, que lhe permitiram empatar a partida.

Mas o inevitável Júnior Moraes voltou a faturar e deu mesmo os três pontos ao Shakhtar, marcando o golo da vitória aos 81 minutos.

Ao cabo de 22 jornadas disputadas, os comandados por Luís Castro seguem no topo da tabela classificativa, com 59 pontos, mais 14 do que o mais direto perseguidor, o Dínamo de Kiev.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.