O dirigente Mamotou Touré Bavieux foi eleito na segunda-feira à noite presidente da Federação de Futebol do Mali (Femafoot), para um mandato de quatro anos.

Bavieux, de 60 anos, obteve 39 votos dos 57 delegados, num escrutínio com 18 abstenções. O novo presidente sucede ao general Aboubacar Baba Diarra, que não concorreu a um segundo mandato.

O outro candidato, Salaha Baby, acabou por renunciar à eleição.

O Mali, seleção em que joga o avançado Moussa Marega, do FC Porto, está fora do Mundial2018 de futebol, ocupando o quarto e último lugar no grupo C da zona africana de qualificação, a seis pontos do primeiro, Marrocos, a uma jornada do final.

No apuramento da Confederação Africana de Futebol (CAF) são apuradas cinco seleções, apenas as vencedoras dos cinco grupos, com Nigéria e Egito a serem as únicas que já garantiram a presença no Mundial da Rússia.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.