A Croácia venceu mas não é por isso que tudo está bem. Luka Modric, médio croata, deixou duras críticas à FIFA depois do caso que envolveu a sua seleção e o conjunto do Kosovo.

Segundo avança o jornal As, Modric acredita que a forma como o organismo mundial geriu todo o processo não foi o melhor.

"Ontem à noite, disseram-nos que a partida [frente ao Kosovo] não se ia realizar. Por conseguinte, aproveitas para estar na cama um bocado mais. E pela manhã acordam-nos a todos como no exército! Obviamente que não tivemos uma boa preparação desta partida", afirmou o jogador à imprensa croata.

Neste sentido, o jogador acredita que a FIFA não se preocupa minimamente com o estado dos atletas mas sim que o espetáculo se celebre.

"A FIFA mostrou que não importam os jogadores, o único que lhes importa é que se jogue a partida. No sábado era muito difícil jogar nesse campo, mas parece que a ninguém lhe importava, visto que tinham de adiar o encontro entre a Turquia e a Croácia de quarta-feira", referiu.

O jogador do Real Madrid também usou o humor para criticar este caso. "No sábado não queria jogar mais e o árbitro disse que estava contra jogar a partida desde o principio. Durante esses 20 minutos, houve mais acontecimentos para os vídeos caseiros mais divertidos na televisão do que futebol sério", afirmou Modric.

Recorde-se que a partida entre a Croácia e o Kosovo tiveram de suspender a partida, devido à chuva forte que se fez sentir. O jogo acabou por realizar-se no dia seguinte, com a Croácia a vencer a congénere kosovar por 1-0.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.