O ex-vice-presidente da Comissão Europeia e antigo comissário dos Assuntos Económicos, o finlandês Olli Rehn, foi nomeado presidente do Comité do Plano de Apoio Covid-19 da FIFA, anunciou hoje o organismo que tutela o futebol mundial.

Rehn, que conta com uma larga experiência em políticas económicas e governamentais na Finlândia e na União Europeia, é atualmente Governador do Banco da Finlândia e membro do Conselho Geral do Banco Central Europeu, além de ser vice-presidente da comissão de governança da FIFA desde 2017.

Durante o congresso da Federação de Futebol da Finlândia, Rehn manifestou a intenção de "ajudar a minimizar os efeitos negativos causados pela pandemia de covid-19 no futebol mundial".

Segundo Olli Rehn, o Comité do Plano de Apoio Covid-19, um órgão independente da FIFA, vai "executar e monitorizar o plano de assistência" delineado pelo organismo, que em março já tinha anunciado a intenção de ajudar a comunidade do futebol, face à crise financeira originada pela pandemia de covid-19.

No final de julho, a FIFA aprovou o regulamento do Plano de Apoio Covid-19, que disponibiliza mais de mil milhões de euros ao futebol em todo o mundo, através de um sistema de doações e empréstimos, com rigorosos requisitos de acesso.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.