O croata Robert Prosinecki deixou o cargo de selecionador do Azerbaijão, anunciou esta sexta-feira a federação de futebol do país, que decidiu não renovar o contrato com o antigo futebolista.

Em comunicado, a federação explica que a decisão de não renovar o vínculo, que vigorava desde 2014, foi tomada por mútuo acordo.

Há três anos, Prosinecki, de 48 anos, substitui no cargo o alemão Berti Vogts.

No comando técnico da seleção azeri, Robert Prosinecki, que enquanto futebolistas alinhou em clubes como o Real Madrid e o FC Barcelona, conseguiu um recorde de 10 pontos no apuramento para o Mundial2018, apesar de não ter conseguido a qualificação.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.