A três jornadas do final do campeonato, o Slavia soma 78 pontos, mais nove do que o Plzen, sendo que, mesmo que este vença os restantes três jogos e o líder perca os seus, a diferença de golos é favorável à equipa da capital da República Checa.

Hoje, no Estádio Sinobo estiveram nas bancadas 5.000 espetadores, o máximo permitido pelo governo, que viram o médio Petr Sevcik, aos 69 minutos, apontar o único golo do encontro, suficiente para confirmar o sexto título do Slavia desde a criação do campeonato checo, após a separação com a Eslováquia, em 1993.

O campeonato checo regressou em 25 de maio sem público, tal como nas restantes ligas europeias que retomaram, após um interregno de 10 semanas devido à pandemia de covid-19, embora, nos últimos dias, as medidas tenham sido revistas para permitirem uma entrada reduzida de espetadores em recintos desportivos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.