Robin van Persie recordou como conseguiu um dos maiores 'triunfos' da sua carreira: a camisola do ídolo Ronaldo Nazário. Em declarações ao canal BT Sport, o antigo internacional holandês conta que a ajuda de Clarence Seedorf foi fundamental para conseguir a camisola do brasileiro.

"É uma história engraçada. Jogámos contra o Inter de Milão, em San Siro. E depois do jogo, eu foi ter com o Clarence Seedorf para lhe pedir ajuda para ter a camisola de Ronaldo, mas o Clarence achou que eu queria a camisola dele e já estava a fazer o movimento para a tirar... e eu tive de lhe dizer: 'Clarence, desculpe, sou um grande fã seu... mas pode ajudar-me com a camisola de Ronaldo?'", recordou Van Persie.

O holandês, que terminou a carreira na época passada ao serviço do Feyenoord, voltou a contar com a ajuda de um outro companheiro de equipa para conseguir o autógrafo do 'Fenómeno'.

"Anos depois, quando joguei com o André Santos [Arsenal entre 2011 e 2012], ele sabia que eu era um grande fã de Ronaldo. Um dia, disse-me: 'Ronaldo está em Londres. Vamos jantar juntos'", contou.

"Na altura a camisola já estava emoldurada, mas não tinha a assinatura. Levei-a assim mesmo e por isso a assinatura está no vidro", explicou Van Persie.

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.