O Fenerbahçe passa por momentos conturbados. Sexto classificado na Liga turca, no domingo sofreu a sétima derrota da época na prova e logo na receção ao rival Galatasaray.

Os adeptos, naturalmente, não gostaram. Viraram-se para a tribuna presidencial e pediram a demissão do presidente, Ali Koç.

Nada de extraordinário, nada que não se veja um pouco por todo o lado quando os resultados não vão de encontro às expetativas. Já a reação de Ali Koç, essa, não terá sido vista muitas vezes entre outros dirigentes desportivos.

Perante a confusão que se foi gerando com os protestos crescentes dos adeptos em direção à tribuna onde se encontrava, o presidente do Fenerbahçe, sem hesitar, saltou do seu lugar e enfrentou, cara-a-cara, a fúria dos sócios, gerando-se uma enorme confusão.

VEJA O VÍDEO

Os seguranças afastaram, de pronto, o líder do clube do local, mas a contestação continuou, depois, à saída do estádio.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.