Na partida decisiva, a disputar no domingo em Joanesburgo, a equipa vencedora vai defrontar a Holanda, que derrotou na terça-feira o Uruguai por 3-2, marcando assim presença na final pela terceira vez, depois de ter saído derrotada nas finais de 1974 (frente à Alemanha) e 1978 (frente à Argentina).

Enquanto os alemães enfrentam esta partida como uma oportunidade de se vingarem da derrota na final do último Europeu diante da Espanha, a equipa ibérica tentará pela primeira vez chegar à final de um mundial, isto já depois de ter feito história, ao chegar a uma inédita meia-final.

O duelo entre o alemão Miroslav Klose, veterano avançado de 32 anos e que já leva 14 golos em fases finais de mundiais, e o espanhol David Villa é um dos mais esperados nesta meia-final, enquanto notada será a ausência de Thomas Muller, castigado por um jogo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.