Giovanni Van Bronckhorst deixou elogios ao rival na final do Campeonato do Mundo. Porém, a admiração pela selecção espanhola não lhe condiciona a vontade e o sonho de ser campeão do Mundo.

"A Espanha tem jogado muito bem nestes últimos anos. Vai ser muito difícil, mas temos muita confiança. As finais não se jogam, ganham-se", atirou o veterano lateral-esquerdo, que fará amanhã a sua despedida da selecção. Uma saída que espera seja vitoriosa: "É um sonho de menino."

Do outro lado do campo estarão alguns amigos de Van Bronckhorst, como Xavi e Puyol, com quem jogou no Barcelona. O internacional holandês reconheceu a amizade mas vai 'esquecer-se' dos seus sentimentos amanhã na final. "Quando jogamos juntos tanto tempo, cria-se uma relação. É estranho enfrentar Xavi e Puyol na final, mas também é especial, embora não interesse se há amigos ou não em campo. Só pensamos em ganhar", observou.

A final entre Holanda e Espanha realiza-se este domingo no estádio Soccer City, às 20h30 (19h30 em Portugal).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.