Holanda e Brasil são hoje favoritos para a passagem aos quartos de final do Mundial2010 de futebol, defrontando respectivamente Eslováquia e Chile, duas seleções que passaram a fase de grupos com dificuldade.

O jogo entre as duas formações europeias está agendado para as 15:00 horas, em Durban, com arbitragem do espanhol Undiano Mallenco.

Às 19:30 no Ellis Park de Joanesburgo, com arbitragem do inglês Howard Webb, o sempre favorito Brasil joga contra o vizinho Chile, numa partida em que o seleccionador brasileiro, Dunga, deverá voltar a mexer na equipa, após o desgastante jogo contra Portugal.

No último treino o seleccionador do Brasil não revelou a equipa mas já é quase certo que Felipe Melo não jogará, por lesão.

Se o jogador da Juventus não alinhar para a sua posição deve avançar Josué (que o rendeu contra Portugal) ou o benfiquista Ramires, garantia de mais velocidade.

De regresso, após castigo, deverá estar Kaká, bem como Robinho, "poupado" no terceiro jogo da fase de grupos, e Elano, que estava lesionado.

Se Dunga repetir as opções mais recentes, o Brasil deverá jogar com: Julio César, Maicon, Lúcio, Juan, Michel Bastos, Gilberto Silva, Josué (Felipe Melo), Elano, Kaká, Robinho, Luis Fabiano.

A Holanda, única selecção cem por cento vitoriosa, a par da Argentina, tem a seu favor um riquíssimo historial, a que só falta um título. Além do mais, defronta uma das estreantes no torneio.

Ainda assim, Bert Van Marwijk, seleccionador holandês, relembra que a Eslováquia é uma equipa dura e perigosa, como bem se viu na eliminação do ainda campeão em título, a Itália.

Duas vezes finalista derrotada em Mundiais, a Holanda, com uma das suas melhores formações de sempre, procura ultrapassar a malapata das mais recentes participações em Mundiais e Europeus, em que a sua "besta negra" tem sido Portugal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.