O defesa central do Benfica Luisão entrou após o intervalo a substituir Lúcio, jogador do Inter de Milão, e alinhou durante toda a segunda parte..
Ramires, outro jogador do Benfica que está entre os “23” do Brasil, não foi utilizado pelo seleccionador Dunga.

Os golos brasileiros foram marcados por Michel Bastos (40), na cobrança de um livre, Robinho (43) e Elano (55), após uma grande jogada de Daniel Alves, perante uma selecção classificada no 110º do ranking da FIFA.

Essas três jogadas, momentos de inspiração individual, salvaram um Brasil com falta de chama, num conjunto onde nem Kaká, nem Luís Fabiano, conseguiram dar acutilância.

Dunga apresentou o seu melhor onze, com excepção da utilização de Thiago Silva no lugar de Juan, no eixo da defesa.

O Brasil é adversário de Portugal no Grupo G do Mundial da África do Sul, com as duas selecções a defrontarem-se a 25 de Junho, no terceiro e último desafio da "poule".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.