A fiscalização à entrada do centro de imprensa é feita pela polícia e pelos seus cães. Ao que parece, um dos cães farejou algo no saco de um editor de imagem português.

Por razões de segurança, a polícia decidiu evacuar de pronto o centro de imprensa. Após a chegada de brigada de minas e armadilhas, a polícia deixou os jornalistas voltarem ao local.

Ao que parece, tratou-se de um falso alarme e tudo voltou à normalidade no centro de imprensa deste estádio.

Hoje decorre o treino e a conferência de imprensa da selecção nacional de antevisão ao jogo com a Coreia do Norte. As medidas de segurança estão mais apertadas, devido ao incidente que se verificou no jogo entre a Inglaterra e a Argélia, quando um adepto inglês conseguiu aceder ao balneário da formação britânica.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.