A língua é a mesma mas por vezes não se entendem. Espanha e Paraguai discutem esta noite um lugar nas meias-finais do Mundial 2010 e, para as duas equipas, a história poderá ser reescrita. Esta é a quinta vez que “la roja” disputa esta fase e os campeões europeus estão com ganas de superar a barreira.

Pela frente terão um Paraguai ansioso por mostrar ao mundo que este será o Mundial sul-americano. Para isso, a equipa de Óscar Cardozo terá de contrariar a estatística que mostra um Paraguai eliminado por uma equipa europeia sempre que vai além da fase de grupos de um Mundial.

Quando entrarem em campo, Espanha e Paraguai já saberão quem será o adversário que os poderá impedir de chegar à final: Argentina ou Alemanha.

E, se tudo correr de feição aos sul-americanos, a final poderá mesmo ter duas equipas com o sotaque latino. Para isso, terão de mostrar superioridade ao futebol europeu.

Depois de eliminar Portugal nos “oitavos”, a Espanha, sob o comando de Del Bosque, calou alguns críticos e parece assumir que é realmente uma das candidatas ao título mundial, ficando para trás o desaire na estreia frente à Suíça.

Para os paraguaios, que afastaram o Japão no desempate por grandes penalidades, a sua arma está na defesa. Apenas um golo sofrido em quatro jogos. Em contraste, o seu ataque, apesar de ter ao seu serviço o melhor marcador da Liga Portuguesa, Óscar Cardozo, tem grandes falhas.

Mesmo assim, o seleccionador do Paraguai, o argentino Gerardo Martino, deverá apostar em Santa Cruz e Barrios para o assalto à defesa de del Bosque deixando Cardozo no banco.

A concentração é a ordem dada pelo seleccionador da Espanha. Del Bosque reconhece o perigo das armas paraguaias e, por isso mesmo, o seleccionador da Espanha garante que é preciso “levar a sério o Paraguai. Têm defesas e avançados bons. Devemos estar absolutamente concentrados neste jogo”.

O jogo entre Paraguai e Espanha está agendado para as 20h30 horas locais (19h30 de Lisboa), no Ellis Park, em Joanesburgo, com arbitragem de Carlos Batres, da Guatemala.

O jogo desta noite fecha os quartos-de-final e vai traçar o rumo deste Mundial 2010, o primeiro realizado no continente Africano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.