Espanha e Alemanha estão hoje em foco na imprensa sul-africana pois vão decidir, em Durban, quem chega à final do Mundial 2010.

A última vez que Espanha e Alemanha se encontraram numa competição foi na final do Euro 2008, nessa altura, a fúria de El Niño deu a taça aos espanhóis para desalento de uma equipa germânica ansiosa por vencer.
Desta vez, apesar de haver nas duas equipas jogadores que disputaram essa final, a história é diferente. Uma das equipas ficará para trás e não terá sequer a oportunidade de se bater pelo título.

A avaliar pelo desempenho das duas equipas ao longo deste Mundial 2010, a Alemanha é a que apresenta mais créditos possuindo o ataque mais perigoso e eficaz, 13 golos até ao momento. Além disso, a juventude que reina neste grupo liderado por Löw tem sido apontada como o segredo para os resultados.

A equipa de Del Bosque, por seu lado, começou mal, ao perder o primeiro jogo, frente a uma Suíça atrevida, e tem vindo a conseguir escapar graças ao poder de concretização de David Villa.

Mas cada jogo é diferente e esta meia-final já ganhou contornos de final antecipada. Os germânicos têm a seu favor o facto de serem uma equipa composta, essencialmente, por jogadores muito novos e, desde 2008, Löw tem tido a oportunidade de amadurecer a estratégia para esta competição.

Del Bosque, por seu lado, tem Torres em baixo de forma e mantém a dúvida sobre a sua utilização. O trunfo, David Villa, o carrasco de Portugal.

Espanha e Alemanha entram em campo a conhecer, desde já, o seu adversário na final e o vencedor terá menos um dia de descanso do que a Holanda.

A estatística e as apostas apontam para uma reedição da final de 1974 com Holanda e Alemanha e decidir quem leva a taça do Mundo. No entanto, numa vertente mais lúdica, o polvo Paul, garante que será a Espanha a vencer a meia-final e a chegar á final deste primeiro mundial africano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.