Com uma fase de qualificação completamente irrepreensível  – 10 vitórias em 10 jogos – a campeã europeia Espanha chega a este Mundial 2010 como uma das grandes candidatas a levar consigo a taça de Campeão do Mundo.

A armada espanhola apresenta-se mais forte do que nunca e se olharmos ao seu historial percebemos que esta pode ser uma oportunidade única para a equipa orientada por Vicente Del Bosque.

A Espanha nunca venceu um título mundial e, de resto, nunca teve participações muito brilhantes na prova, se exceptuarmos o longínquo quarto lugar no Mundial de 1950, no Brasil.

Esta tarde, quando forem 15h, a “Roja” terá pela frente a menos poderosa Suíça. No entanto, a equipa helvética tem revelado enormes progressos nos últimos anos e sob o comando do experiente Ottmar Hitzfeld pode muito bem complicar a vida a “nuestros hermanos”.

Do lado espanhol Fernando Torres é baixa confirmada e Del Bosque afirmou que apenas se decidirá pela utilização de Andrès Iniesta horas antes de começar o jogo marcado para o Estádio Moses Mabhida, em Durban.      

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.