Depois de ter ganho na primeira jornada à Dinamarca, a Holanda enfrenta amanhã o Japão e Bert Van Marwijk frisou que espera um jogo difícil, mas que nem por isso alterará o modo de actuar da sua equipa.

“Concentro-me sempre na minha equipa e não vamos fazer alterações para o jogo com o Japão. Este é um jogo muito importante e vai ser uma luta que ambas as equipas, pois os dois lados começaram com uma vitória e querem repetir o resultado.”

A equipa holandesa tinha permanecido até ontem em Joanesburgo, onde a altitude é maior, mas o seleccionador holandês acredita que jogar em Durban (ao nível do mar) não será um problema.

Além disso, a temperatura é também mais elevada, mas o holandês preferiu não dramatizar:

“Está mais quente do que em Joanesburgo mas é assim a vida e temos de lidar com isso.”

O treinador laranja disse estar a par da euforia que se vive na Holanda em torno da selecção nacional, mas referiu que ainda faltam muitos jogos para que se possa falar em objectivos maiores:

“Até à final é um longo caminho e o jogo mais importante é o de amanhã. Espero um Japão muito agressivo e estamos preparados para tudo.”

Robben continua a ser uma ausência de peso na equipa holandesa e a julgar pelas palavras de Bert Van Marwijk ainda não será amanhã que o extremo do Bayern Munique pisará um dos palcos deste Mundial 2010.

“Hoje foi o primeiro dia em que Robben esteve no treino todo, por isso temos de ver como ele responde amanhã, mas em princípio diria que não jogará.”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.