A selecção do Gana venceu hoje a da Sérvia por 1-0, com um golo de Asamoah Gyan de grande penalidade, no jogo de abertura do Grupo D do Mundial2010 de futebol, disputado em Pretória.

Ligado à derrota sérvia fica o médio do Estugarda Zradvko Kuzmanovic, que entrou aos 62 minutos a substituir Nenad Milijas e aos 84 provocou a grande penalidade, ao tocar a bola com a mão num cruzamento com poucas probabilidades de êxito para o ataque ganês.

Um erro crasso como este ditou o desfecho de um jogo equilibrado, mal jogado e com escassas oportunidades de golo.

A primeira parte foi muito fechada, marcada por uma rigidez táctica que nunca permitiu às duas equipas soltarem-se, mas depois do intervalo o Gana assumiu a iniciativa e incutiu mais agressividade e velocidade às acções ofensivas.

Como corolário dessa nova postura em campo e da supremacia que passaram a exercer, os africanos, aos 53 e 59 minutos, estiveram perto de marcar por André Ayew e Asamoah Gyan, que atirou de cabeça ao poste.

Curiosamente, após a expulsão do sérvio Aleksander Lukovic, aos 74 minutos, por acumulação de amarelos, a selecção europeia teve uma reacção enérgica que coincidiu com o seu melhor período.

O Gana pareceu confundido a jogar contra 10 elementos e só acabaria por chegar ao golo graças à grande penalidade, na melhor fase dos sérvios no jogo.

Com esta vitória, o Gana sobe provisoriamente ao primeiro lugar do Grupo D, com três pontos, aguardando pelo desfecho do jogo entre a Alemanha e a Austrália, hoje em Durban, pelas 19:30.

A segunda jornada do grupo D disputa-se em 18 e 19 de Junho, com os jogos Alemanha-Sérvia, no estádio Nelson Mandela Bay, em Port Elizabeth, e Gana-Austrália, no estádio Royal Bafokeng, em Rustenburg, respectivamente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.