Segundo o Daily NK, sedeado na Coreia do Sul e gerido por norte coreanos exilados no sul, o regime de Pyongyang terá mobilizado nacionais que trabalham em países africanos para apoiarem a sua equipa na África do Sul.

Terça-feira, em Joanesburgo, meia centena de fãs norte coreanos vestidos de vermelho, que assistiram ao jogo em que o Brasil derrotou a Coreia do Norte, por 2-1, garantiam fazer parte de um grupo de 300 adeptos que se tinham deslocado especialmente de Pyongyang.

A Coreia do Norte, já com graves dificuldades económicas, viu a sua situação piorar após as sanções impostas pelas Nações Unidas, na sequência do seu segundo ensaio com armas nucleares em Maio de 2009.

A Coreia do Norte será o próximo adversário de Portugal no Grupo G do Campeonato do Mundo de futebol, com as duas selecções a defrontarem-se na próxima segunda feira, na Cidade do Cabo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.