“O que dirá agora Kim Jong-il [ditador norte-coreano]?”, pergunta o jornal desportivo eletrónico championat.ru. “Será interessante ver o que irão mostrar nos noticiários da televisão coreana”, acrescenta.

O portal desportivo Goalbox.ru interroga-se sobre se a equipa norte-coreana, depois de tão pesada derrota, não irá parar a um “campo de concentração".

“Lembramos que, em 1966, também no campeonato do mundo, e também depois de uma derrota frente aos portugueses (3-5), toda a equipa foi exilada para um campo de concentração. Essa foi dura decisão do regime déspota da Coreia do Norte”, acrescenta.

Num outro registo, championat.ru escreve “Capitão! Sorri!”, em referência a Cristiano Ronaldo e ao golo que apontou, o sexto, mais de 16 meses depois de ter marcado ao serviço da selecção. “Finalmente pôs fim ao voto de silêncio”, acrescenta o portal.

Evgueni Lovtchev, antigo jogador da selecção soviética, cronista do Sovietski Sport, realçou o empenho luso: “Os portugueses fizeram-nos felizes, principalmente pela atitude face às oportunidades de golo. Muitas oportunidades e nem um grama de confusão ao terminarem o ataque. Todos muito concentrados”.

“Pelos vistos, quanto mais avançar o campeonato do mundo, mais iremos assistir a jogos de qualidade, espectaculares, com muitos golos”, frisou.

A imprensa desportiva russa destaca também as declarações de jogadores portugueses no sentido de que a selecção portuguesa não se deixará levar pela euforia e já pensa no jogo com o Brasil.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.